CIDADE DE DEUS| Igreja é impactada em encerramento da campanha de oração

A Assembleia de Deus congregação em Cidade de Deus, que está na direção local do presbítero Rybemon Alves e sua esposa irmã Maria Eunice, realizou nesta quinta (30) o encerramento do propósito de oração no círculo de oração com o tema “Resgatando visões” baseado no livro de 2 Reis capítulo 6 e o versículo 17, “E Eliseu orou, e disse: Ó senhor, peço-te que lhe abras os olhos, para que veja.”

A irmã Noêmia levantou a igreja da oração com um pequeno hino, em seguida o cooperador José Carlos orou e a irmã Noêmia continuou moderando o trabalho entoando os hinos da harpa cristã. Estiveram cooperando no louvor a irmã Silane, cooperador José Carlos, irmã Letícia, irmã josenilda e Mabel, além da União Feminina da Assembleia de Deus em Rio Largo – Ufadril local e Vila Rica 2. A leitura oficial foi feita pela irmã Rute, que leu no livro de 2 Reis capítulo 6 e os versículos 8 ao 17 e fez uma oração pela palavra lida.

Já a ministração ficou na responsabilidade do cooperador Aurélio Alves, vindo da congregação em Tabuleiro do Pinto, que se baseou em Gênesis capítulo 16 e os versículos 1 ao 3, adfirmando que: “O perigo está dentro da nossa casa, é preciso enxergar quando Deus abrir nossos olhos. Tem gente com síndrome de Agar que diz se não for eu não vai, se não for eu o louvor não sair, Deus diz o que tenho com Sara não tenho com Agar. O homem dá cargo, Deus dá ministério. Deus pega de dentro, de fora, mas as coisas é como Deus quer. Quem tá em pecado não ver, quem tá fofocando não ver, quem tá falando mau de você não ver, mas Deus vai restaurar a visão. Quem não tem visão ver o mar fechado, mas quem tem visão ver o mar aberto e passando a pés enxutos, quem não tem visão ver o gigante pelejando, mas quem tem visão ver o gigante caído e você de posse de Vitória. Afirmou

Após a mensagem o presbítero José Roberto realizou uma oração e despediu a igreja com a bênção apostólica.

The following two tabs change content below.

Paulo Henrique

Correspondente em Cidade de Deus desde 2016.